S-118.jpg

Biblioteca de 

Quarentena

A prática de yoga, enquanto filosofia, pede-nos para viver aqui e agora, em pleno contentamento com o que simplesmente é. Disponibiliza-nos ao amor e compaixão por nós mesmos, pelos outros e pelo cosmos. Enquanto prática física conta-nos sobre a verdade muitas vezes escondida nos nossos corpos. Não é um escape.

É um encontro frente-a-frente com quem somos.

As práticas que encontras nesta biblioteca são as práticas que facilitei em tempo de quarentena e trago-as agora neste formato por sentir e ter observado o poder de transformação que trazem em cada uma delas, juntas e separadas. Aqui, mergulhamos em práticas completas que trabalham tudo o que sinto ser importante para nos fortalecermos em nós mesmos: Enraizamento, presença, fluidez, coragem, entrega, amor, conexão connosco, com os outros, com o cosmos… e tanto mais. 

Aqui, vais encontrar 13 aulas 

com temáticas diferentes: 

Eu escolho cuidar de mim

Prática 1: A minha verdade (Satya) (1h19)

Prática 2: As minhas raízes (1h11)

Prática 3: Vou aprender com a água (1h09)

Prática 4: No silêncio das montanhas (1h17)

Prática 5: A minha força interna (1h17)

 

Em frente ao espelho. Olhos nos olhos.

Prática 6: Sombra (1h14)

Prática 7: Presença (1h05)

Prática 8: Coragem (1h17)

Prática 9: Entrega (1h04)

 

Uma recordação à conexão com a vida.

Prática 10: O sol (1h06)

Prática 11: A lua  (1h06)

Prática 12: Pai Céu (1h14)

Prática 13: Mãe Terra (1h19)

Prática complementar Mãe Terra: Metta Bhavana e Bija Mantra (20m)

S-67.jpg

Estas práticas foram criadas a pensar em quem nunca praticou e em quem pratica todos os dias.

 

Começamos sempre pelas bases e vão sendo dadas opções de progressão para quem as desejar tomar.

Estas aulas não são um substituto a aulas presenciais, são um complemento. Como eu o vejo e o sinto, praticar sozinho, em casa e sem acompanhamento, é o mesmo que ligar a tomada à ficha, (sim, dá-se um clique, há uma conexão). Praticar em presença, por sua vez (não só de um professor como de um grupo de pessoas que procura se não o mesmo, algo muito parecido com aquilo que procuras), é o momento em que o candeeiro pode acender. A exploração autodidata, no que toca ao yoga, é extremamente incompleta e é também importante para mim que compreendas que o yoga vai muito além destas práticas guiadas no tapete.

Inspira profundamente. Expira completamente.
Deixa aqui o teu email para mais magia e para te
manteres actualizado/a. 
 
© 2020 by Sofia Mano
  • Sofia Mano Yoga
  • Sofia Mano Yoga Instagram
  • Sofia Mano Yoga SoundCloud
  • Podcast Magia é Respirar
  • Playlists Sofia Mano Yoga